Devocional Diário

“Assim, achei necessário recomendar que os irmãos os visitem antes e concluam os preparativos para a contribuição que vocês prometeram. Então ela estará pronta como oferta generosa, e não como algo dado com avareza…. Cada um dê conforme determinou em seu coração…”  2 Coríntios 9:5 e 7a

VIVENDO E OFERTANDO COM EXPECTATIVA: Princípio #2 

Proposital, atenciosa e com oração… isso descreve sua doação?

Quando Paulo escreveu para a igreja em Corinto, os tempos eram difíceis. Jerusalém estava passando por uma época de fome e Paulo estava preparando os crentes em Corinto para uma oferta especial para ajudar. Mas Paulo não queria que essa oferta fosse casual, como que doando as sobras do que tinham disponível na mão. Não, Paulo queria que eles dessem propositalmente, dedicando tempo para pensar, planejar e orar sobre sua contribuição.

Não há nada de errado com o impulso emocional, mas, como um todo, seremos mais generosos e mais fiéis, através de doações propositais, planejadas e com oração. Então, para nos ajudar a começar, Deus nos dá um ponto de partida: o dízimo.

O dízimo é 10% do que ganhamos. A primeira pergunta que inevitavelmente me fazem é – antes ou depois dos impostos? Eu costumo rir, porque os nossos impostos são apenas mais uma conta. Como mantimentos, serviços públicos ou uma hipoteca, nossos impostos são apenas a despesa do dia-a-dia e de viver em nosso país. Então, o dízimo é 10% do que ganhamos.

Abraão deu o exemplo desse tipo de doação (Gênesis 14:20), quando ele ofereceu o dízimo em apreciação das bênçãos de Deus em sua vida. Este é o exemplo que nós, como crentes, devemos seguir – mas é apenas o primeiro passo. É o ponto de partida da entrega fiel. Por quê?

 

  1. O dízimo reconheceque Deus é dono de tudo o que temos. Somos simplesmente gerentes dos recursos financeiros de Deus que nos são confiados.
  2. Dizimar é um ato de CONFIANÇA de que Deus irá suprir para nossas
  3. Jesus falou sobre a importância do coração por trás do dízimo (Mateus 23:23).

 

O dízimo é a linha de partida para viver e ofertar generosamente. É sobre planejar e orar e ser intencional não apenas em como vivemos dia a dia, mas em como usamos TODOS os recursos financeiros que Deus nos confiou. Como você será mais fiel e decidido com sua doação em 2019?

Imprimir