Devocional Diário

“Não se aborreça por causa dos homens maus e não tenha inveja dos perversos; pois como o capim logo secarão, como a relva verde logo murcharão.     (…) não se aborreça com o sucesso dos outros, nem com aqueles que maquinam o mal. Evite a ira e rejeite a fúria; não se irrite: isso só leva ao mal.”  Salmo 37:1-2. 7b-8

POR QUE COISAS RUINS ACONTECEM COM PESSOAS BOAS? (Parte 2)

Vimos na parte 1 que Deus tem o poder de usar qualquer situação para a Sua glória e para o bem. Quando coisas ruins acontecem, não é a pergunta POR QUÊ que deve consumir nossos pensamentos, mas o COMO? Como Deus pode ser glorificado nessa situação? Como posso incentivar, apoiar e ajudar os outros enquanto exibo o amor de Cristo? Como podemos procurar tirar o bem de uma situação ruim? Essa mudança de perspectiva é útil para nos lembrar da soberania e do poder de Deus, mas deixa sem resposta uma outra pergunta. Por que Deus não faz algo para parar (a demissão, o desgosto, a perda de um ente querido, a injustiça… etc.) antes que aconteça?

A resposta de Deus a todas essas frustrações, conforme escrita pelo rei Davi nos Salmos, é simplesmente “não se preocupe”. Pode parecer quase paternalista em sua simplicidade: não se preocupe. Como Deus pode dizer: “não se preocupe” com todas as pessoas más no mundo que sempre parecem sair do lado vencedor; as pessoas que evitam qualquer tipo de conseqüências por suas ações. Elas se aproveitam dos outros e ainda conseguem chegar ao topo. E tudo o que Deus diz é “não se preocupe com isso?” Por que Deus diria isso?

A Palavra de Deus está nos fazendo lembrar neste Salmo que CADA pessoa um dia responderá a Deus por suas ações. Então, aqueles que PARECEM se safar com corrupção, abuso de poder e todos os tipos de mal nesta vida enfrentarão o julgamento de Deus no final. Enquanto isso, devemos entregar nossa raiva e frustrações a Deus. Isso requer fé VERDADEIRA.

Veja, a verdadeira fé não é revelada apenas quando a vida é fácil, mas acima de tudo quando é difícil. Trata-se de confiar que Deus permanece no controle mesmo quando ocorre uma tragédia, o quando o inimigo ataca e quando sofrimento acontece. É sobre escolher confiar em Deus por QUEM Ele é e PELO que Ele fez, mesmo na dor e no sofrimento. Você está disposto a se concentrar na questão “COMO fazer o bem” ao invés de “POR QUE DEUS permite isso”?

Imprimir