Devocional Diário

"Perdoa as nossas dívidas, assim como perdoamos aos nossos devedores". - Mateus 6:12

O Alvo Real da Nossa Ira

Antes do apóstolo Paulo aceitar a Cristo, seu nome judeu Saulo. Ele era um terrorista religioso perseguindo, prendendo, e às vezes aprovando a matança de cristãos.

Saiba de uma coisa: sua verdadeira hostilidade não era tanto contra a igreja quanto o era contra  Jesus. Cristãos, perceba este ponto importante. Quando você forem ridicularizados por outros, quando vocês se sentirem excluídos por eles, quando vocês sentirem a dor da perseguição, reconheça que tais pessoas não estão sendo hostis com vocês, mas sim com Jesus. Isso também é verdade em relação a terroristas religiosos hoje. Perseguição dos cristãos não é tanto um ódio contra um indivíduo cristão. Perseguidores podem não perceber, mas quem realmente eles odeiam é Jesus!

Quem quer que seja que está lhe dando uma série de problemas simplesmente por você ser cristã(o), não tome isso pessoalmente. Lembre-se de quem eles(as) odeiam – embora muitos nunca irão admitir isto. Em vez disso, busque amá-los, perdoá-los e ore por eles. Quem sabe? O seu testemunho positivo diante deles pode convencer o coração de necessidade de Jesus que essas pessoas têm. Eles podem desejar isso que você tem. Foi o que aconteceu com Paulo, enquanto observava o primeiro mártir cristão morrer, um homem chamado Estevão. Essa cena preparou o coração dele para o tempo que Jesus o confrontaria na estrada para Damasco, com a pergunta: “Saulo, Saulo, por que me persegues?” (Atos 9:4).

 

 

Imprimir