Devocional Diário

“Passadas essas coisas, saindo, viu um publicano, chamado Levi, assentado na coletoria, e disse-lhe: Segue-me! Ele se levantou e, deixando tudo, o seguiu. Então, lhe ofereceu Levi um grande banquete em sua casa; e numerosos publicanos e outros estavam com eles à mesa.  Lucas 5:27-29

NÃO ESQUEÇA DOS SEUS AMIGOS!

Acho que é correto supor que muitas pessoas hoje não simpatizam com a Receita Federal. Ninguém gosta de pagar impostos, mas o aumento do desgosto pela Receita Federal tem aumentado pelo mau uso do poder. Ainda assim, não é tão ruim para nós quanto era para as pessoas nos dias de Jesus. Na época, os coletores de impostos cobravam mais do que uma pessoa tinha [que pagar] e embolsavam a diferença! Os coletores de impostos judeus, que cobravam dos judeus para Roma, eram vistos como traidores pelo seu próprio povo, e eles eram odiados. Então, em Cafarnaum, a cidade adotada de Jesus, quando ele caminha até o coletor de impostos, Mateus, e pede para que ele seja um dos seus seguidores…você consegue imaginar quão surpresas as pessoas ficaram? E ninguém estava mais surpreso que Mateus! Ele não era bem-vindo na sinagoga e era odiado por seus companheiros judeus, mas, contrário ao que ele pensava de si mesmo, Mateus foi escolhido por Jesus como um dos seus apóstolos originais.

O que aconteceu depois foi uma grande recepção para Jesus na casa de Mateus, em que ele convidou outros coletores de impostos e seus amigos pecadores. Por que ele faria isso? Bem, Mateus estava tão comovido por Jesus ter chamado ele para ser um seguidor, que ele queria que seus amigos conhecem Jesus e reconhecessem como esse Jesus poderia mudar a vida deles também. Então, ele convidou a todos para a sua festa para conhecer Ele.

Os líderes religiosos judeus ficaram surpresos com isso. Eles acharam ridículo que esse homem Jesus, que se dizia um homem de Deus, se juntaria com pecadores. Veja como Jesus respondeu em Lucas 5:31:

Os sãos não precisam de médico, e sim os doentes.

Não vim chamar justos, e sim pecadores ao arrependimento.

Hoje não é diferente. Quando uma pessoa conhece a Jesus, é hora de festejar. Hora de convidar as pessoas e compartilhar com elas como Jesus mudou suas vidas.

Mateus entendeu. É minha esperança e oração que todos nós também entendamos um dia.

Imprimir