Evangelho do dia

Ou, porventura, ignorais que todos nós que fomos batizados em Cristo Jesus fomos batizados na sua morte? Fomos, pois, sepultados com ele na morte pelo batismo; para que, como Cristo foi ressuscitado dentre os mortos pela glória do Pai, assim também andemos nós em novidade de vida. Porque, se fomos unidos com ele na semelhança da sua morte, certamente, o seremos também na semelhança da sua ressureição, sabendo isto: que foi crucificado com ele o nosso velho homem, para que o corpo do pecado seja destruído, e não sirvamos o pecado como escravos; porquanto quem morreu está justificado do pecado”.  Romanos 6:3-7

Batismo – Hora de Celebrar

Flores, madrinhas, o vestido branco. Todos nós já vimos uma cerimônia de casamento. Algumas são grandes, formais, com bandas em prédios de igrejas tradicionais; enquanto que outras são pequenas, cerimônias íntimas na praia, celebradas por alguns amigos próximos e pela família. Não importa o “estilo”, cada casamento tem o mesmo propósito: um casal assumindo um compromisso de vida um com o outro.

Eu nunca ministrei um casamento em que o casal se apaixona durante a cerimônia. Ou, em que o casal decidiu, na cerimônia, comprometer-se um com o outro. A decisão já estava tomada. Da mesma forma, o batismo é uma expressão pública diante de Deus e dos homens daquilo que já aconteceu no coração e na vida de alguém.

Para ser claro. Uma pessoa não é batizada em Cristo Jesus quando ela é batizada na água. É no momento que uma pessoa decide confiar em Cristo, tendo uma fé de arrependimento, que ele receberá o presente: o Espírito Santo, o Espírito de Deus dentro de nós. Esse batismo acontece na salvação.

Então, o que o batismo representa? No batismo, estamos dizendo que Cristo morreu pelos nossos pecados, e que nós também estamos morrendo para a nossa vida sem Cristo. Estamos morrendo para os nossos pecados, para os nossos desejos egoístas. No batismo, estamos testificando aquilo que já aconteceu, uma decisão de confiar em Cristo, de segui-Lo.

Mas isso não é tudo. Ao levantar da água, vemos a ressureição simbólica de Jesus Cristo levantando dos mortos. Isso representa a segunda parte de confiar em Cristo. Testificamos que enquanto a água nos limpa por fora; Cristo já limpou o nosso coração. Ele nos libertou. Agora, eu tenho o privilégio de seguir o Salvador ressurreto para todo o sempre.

Assim como a cerimônia de casamento é um momento de mudança de vida, cheio de esperança e celebração, o batismo é para ser celebrado. Você já celebrou publicamente a sua declaração de mudança de vida, sem volta, do que Cristo fez por você?

Imprimir