Evangelho do dia

"Trocaram a verdade de Deus pela mentira, e adoraram e serviram a coisas e seres criados, em lugar do Criador, que é bendito para sempre". - Romanos 1:25

O Paradoxo da Ciência Moderna

Há vários anos, o conselho da escola local exigiu que livros didáticos de ciências do ensino médio tivessem uma etiqueta afixada. Esta etiqueta dizia simplesmente: “Este livro contém material sobre a evolução. A evolução é uma teoria, não um fato, a respeito da origem das coisas vivas. Este material deve ser abordado com uma mente aberta, cuidadosamente estudado e considerado de forma crítica.”

Note que não havia nada na etiqueta que defendia uma crença em Deus. Ela também não mencionava criacionismo. Ela simplesmente aconselhou os alunos a fazerem perguntas e formarem suas crenças com base no que concluir das evidências. Tudo realmente dizia respeito a boa educação, considerando sobre teorias diferentes, com uma mente aberta. Parte do aprendizado é ser capaz de considerar diferentes perspectivas sobre a vida. Apesar disso, os tribunais federais exigiram que estes simples adesivos fossem removidos de todos os livros didáticos.

Educação deveria ser sobre o livre fluxo de ideias. Quando você tem uma teoria tão controversa como a evolução que é ensinado através de doutrinação mais do que através de exame, não é educação. A boa ciência exige que as teorias enfrentem perguntas de sondagem. Por que os evolucionistas temem questionamento semelhante? O que eles têm a temer?

Pessoas de mente aberta não temem a verdade, eles procuram, pois a verdade não tem medo. É o paradoxo da ciência moderna.

Imprimir