Evangelho do dia

"Não estou dizendo isso porque esteja necessitado, pois aprendi a adaptar-me a toda e qualquer circunstância. Sei o que é passar necessidade e sei o que é ter fartura. Aprendi o segredo de viver contente em toda e qualquer situação, seja bem alimentado, seja com fome, tendo muito, ou passando necessidade". - Filipenses 4:11–12

O Conselho Financeiro de Deus: Contentamento Versus Vontade

Howard Dayton conta a história de uma empresa americana que construiu uma fábrica na América Central por causa de mão de obra barata. Tudo correu bem; eles construíram a fábrica e contrataram excelentes colaboradores. Em seguida, eles tiveram seu primeiro dia de pagamento, e todo mundo estava muito feliz. Mas aconteceu uma coisa estranha no restante da semana, ninguém apareceu para o trabalho! A administração estava confusa e foi para o líder da aldeia para uma explicação. “Bem, agora nós temos tudo que precisamos. Por que devemos voltar ao trabalho?” Assim, a administração elaborou um plano de jogo poderoso. Eles enviaram a cada funcionário um catálogo de vendas por correspondência de quatro cores. E todos os trabalhadores imediatamente  voltaram para o trabalho.

Entendemos essa mentalidade na cultura americana. Em seu excelente livro The Dept Squeeze [O Aperto da Dívida], Ron Blue diz “[Bancos e varejistas sabem que] simplesmente colocando um cartão de crédito na mão de um usuário em potencial vai levar a pessoa a gastar 34 por cento a mais [do que se pagassem em dinheiro].” Isso diz muito sobre aprender a viver dentro de nossas possibilidades. A chave para essa aprendizagem é se contentar com o que você tem e não comprar o que você não pode pagar! Nossa nação tem aprendido isso da maneira difícil.

 

Imprimir