Devocional Diário

Ninguém pode servir a dois senhores; pois odiará a um e amará o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Vocês não podem servir a Deus e ao Dinheiro.  - Mateus 6:24

A ESCOLHA É SUA

Há várias grandes escolhas na vida.  Uma escolha que muitos enfrentaram ou enfrentarão é se deve ou não ir para a faculdade – e se você deve, para qual faculdade você deve ir? Porque onde você vai fazer faculdade, certamente vai definir um curso para o futuro da sua vida.  Outra grande escolha é casamento — se você vai casar, com quem você vai se casar? Porque com quem você vai se casar vai influenciar grandemente o resto de sua vida. E depois há sua carreira – onde você escolhe concentrar seus interesses, seus talentos e suas habilidades? Estas e muitas mais são escolhas que você enfrentará na sua vida.

Mas Jesus nos diz que é a nossa maior escolha está entre Deus e o dinheiro. O que? Isso pode chocá-lo, porque você pode pensar que há escolhas maiores do que dinheiro. No entanto, Jesus sabe que para a maioria de nós, a grande luta, quando se trata de ter Cristo como Senhor, onde colocar a nossa confiança, é escolher entre Deus e o dinheiro. Isto é o que Jesus quer dizer quando Ele diz, “ninguém pode servir a dois senhores.”

Agora, quando Jesus fez essa afirmação, Ele também estava dizendo que todos nós temos um mestre. Eu percebo que muitas pessoas encontrar essa afirmação apavorante e podem responder, “eu não tenho uma “pessoa” ou “coisa” como meu mestre. Eu sou o capitão da minha alma!” Bem, peço desculpa por ser estraga prazeres, mas Jesus nos diz que todos nós temos um mestre.

Então, quem ou o que é o nosso “mestre”? Nosso mestre é o que domina nossos pensamentos.  Nosso mestre é o que tem prioridade em nossas vidas.  Nosso mestre é onde colocamos a nossa confiança.  Nosso mestre é onde nós olhamos para a nossa segurança máxima. Agora, às vezes nosso mestre pode ser algo que é considerado “bom”, como as nossas famílias, nossos cônjuges, nossos filhos ou nossos empregos.  Pode até ser Igreja, ou serviço comunitário.  O fato é que se qualquer uma destas coisas se tornar a prioridade de nossas vidas, ela não será apenas o nosso mestre, será idolatria e quebra o primeiro e segundo mandamento de colocar alguma coisa –qualquer coisa – antes do Próprio Senhor.

Em meio a todos estes mestres potenciais, Jesus nos diz que a escolha mais comum de ‘mestre’ da nossa vida é a escolha de muitos ou Deus. Então, o que é para você? Onde pões tua confiança? Onde é que você procura segurança? Dinheiro irá decepcionar e nos deixar vazios. Deus nos dará propósito e satisfação.

Imprimir