Devocional Diário

 “Havia em Jerusalém um homem chamado Simeão, que era justo e piedoso, e que esperava a consolação de Israel; e o Espírito Santo estava sobre ele. Fora-lhe revelado pelo Espírito Santo que ele não morreria antes de ver o Cristo do Senhor.” – Lucas 2:25-26

400 ANOS DE SILÊNCIO

400 anos de silêncio. É difícil de entender, mas 400 anos atrás:

  • Galileu provou que os planetas giram em torno do sol.
  • Manhattan foi comprada da Holanda por $24.
  • The Taj Mahal foi construído na Índia.

Por mais difícil que possamos compreender 400 anos, a Bíblia nos diz que esta é a quantidade de tempo que o povo de Deus esperou para ouvir Sua voz. Você vê, no final do Antigo Testamento, Deus falou através do profeta Malaquias – e depois disso, nada. Deus fica calado. 400 anos de silêncio. É difícil imaginar tanto tempo, mas para as pessoas que viram os milagres de Deus em primeira mão, 400 anos devem ter parecido uma eternidade. E quanto mais Deus ficou calado, pior as coisas ficaram. Certamente parecia que Deus havia esquecido o Seu povo e Suas promessas.

Você pode se identificar com isso? Quando Deus se cala, não demora muito para assumirmos que Deus deve ter esquecido de nós. De repente, tentamos resolver as coisas por nós mesmos – nos afastando de Deus no processo. Mas Deus está sempre trabalhando enquanto esperamos. A espera nos faz lembrar de quem, em última instância, está no controle e nos prepara para o que virá a seguir.

É aqui que encontramos Simeão, em Lucas 2. Simeão é um grande homem de fé. Tendo sofrido a opressão do povo de Deus, Ele ouviu repetidas vezes como Deus os abandonou, os esqueceu. Ele assistiu muitos caírem em desesperança e desespero. Simeão, no entanto, se apega fielmente às promessas de Deus, acreditando que Deus as cumprirá no final. E, finalmente, Deus o faz! Imagine a alegria dele ao ser uma das primeiras pessoas a segurar o Messias em seus braços, experimentando em primeira mão a promessa de Deus revelada!

Você está no meio de uma temporada de espera? Talvez tenha sido uma temporada muito longa e incrivelmente frustrante. Você sente que Deus esqueceu de você; você está começando a duvidar. Não perca a esperança – Deus está trabalhando na sua espera. Mesmo nas épocas mais desafiadoras, Deus quer nos apontar para Jesus. Jesus, o único que pode, de forma perfeita e completa, satisfazer os desejos mais profundos de nossos corações.

Se você está buscando esperança, olhe para Jesus. Conforto – olhe para Jesus. Se você está se sentindo incompleto e insatisfeito, olhe para Jesus. Jesus é o ponto máximo de esperança e alegria, mesmo quando a espera parece ser de 400 anos. Por meio de Jesus, a espera termina quando nossas almas encontram descanso na promessa de Deus cumprida!

 

Imprimir