Devocional Diário

Sejam bondosos e compassivos uns para com os outros, perdoando-se mutuamente, assim como Deus perdoou vocês em Cristo.  Efésios 4:32

3 ATITUDES QUE DIFICULTAM O PERDÃO

Uma coisa é certa: todos irão ofender alguém em algum momento e precisarão de perdão. Na verdade, nenhuma relação pode sobreviver uma falta de perdão. Mas como pecadores orgulhosos, buscar o perdão quando fazemos algo errado nem sempre é fácil. Não é nem mesmo natural. Então, por que temos tanta dificuldade em pedir perdão quando erramos? Bem, há algumas atitudes que geralmente atrapalham.

  1. Afirmar a Imperfeição: O processo do pensamento acontece assim: “Bem, eu sou humano. E por ser imperfeito, você me quer dentro de um padrão impossível. Você é que está com o problema. Supere e siga em frente. Eu não preciso do seu perdão”. 
  1. Comparação: Esta atitude compara as minhas ações com aquelas ao meu redor. Ela diz: “Eu não sou tão ruim quando você olha para o que os outros estão fazendo”. 
  1. Direito: Essa atitude afirma um direito de ser perdoado. Se sentir no direito de ter perdão diz: “Eu sou, de modo geral, uma boa pessoa que só erra de vez em quando. Então, eu mereço ser perdoado, não importa a dor que eu causei. Eu não preciso buscar perdão porque você é simplesmente obrigado a superar”. 

Jesus falou muito sobre perdão. Na verdade, o perdão está no coração da fé cristã. A chave é reconhecer que somos todos pecadores que precisamos de perdão. Não há nenhum direito, nenhuma comparação e nenhuma ação que nos faz merecer o perdão de Deus, além da cruz. Jesus tomou sobre si o nosso pecado, a nossa vergonha e a nossa culpa para nos oferecer perdão e uma relação restaurada com Deus.

Se você está pronto para receber a graça e o perdão salvador de Deus, isso começa ao deixar de lado o seu orgulho e dizendo: “Deus, eu preciso do teu perdão”. A chave para buscar o perdão daquele com quem você errou é saber a extensão de como Deus nos perdoou.

 

 

 

Imprimir